OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Avançar é preciso!

Avançar é preciso!   Hoje não me apetece falar de Mafra. Apetece-me falar da Europa, da Europa continente, da União Europeia. Não vou falar da história, da necessidade que as potências industriais europeias tiveram de regular o mercado da energia e das matérias primas à época essenciais, o carvão e o aço, por ventura um dos substratos das guerras mundiais que tiveram a europa como palco principal. Não porque não considere a história importante para a compreensão dos factos que a história, factual, descreve, mas porque na matéria sou aprendiz…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Transferência de Competências

Transferência de Competências   Na reunião da Assembleia Municipal de 27 de Dezembro, por proposta da Câmara, foi aprovado a não aceitação das competências com que o Governo nos quer brindar. Tal  como previmos e à revelia da própria Lei, os Decretos-Lei que pretendem transferir onze domínios da responsabilidade do Estado Central para as Autarquias, pode ler-se na proposta aprovada, “são totalmente omissos no que aos recursos, designadamente aos recursos humanos e financeiros, diz respeito” considerando ainda a proposta, que o Município “não dispõe de informações suficientes para que possa…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – O futuro dirá

Na crónica de Dezembro fiz futurologia:  O futuro dirá se a Câmara quer substituir a BeWater na rapina aos consumidores, ou se é apenas a minha “má vontade”!   Não. Não é a minha má vontade. A Câmara apresentou o orçamento para 2019 para os recriados SMAS (Serviços Municipalizados de Água e Saneamento) e sobrecarregou as despesas correntes com, o que chamou “Outros trabalhos especializados”, o montante de três milhões e duzentos mil euros. Questionada, por razões inconfessadas, não quis detalhar o conteúdo da rúbrica de classificação orçamental, criada para…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Um olhar sobre a última sessão da Assembleia Municipal

Por razões pessoais falhei o envio da segunda crónica do mês de Novembro. Aos leitores e ao Jornal apresento as minhas desculpas. Hoje vou dar conta das minhas inquietações resultantes da reunião da Assembleia Municipal do passado dia 29 de Novembro. Por ordem da Ordem de Trabalhos: 1 – Registei com agrado a aprovação da minuta de Contrato Interadministrativo de Delegação de Competências relativamente ao serviço público de transporte rodoviário de passageiros com a Área Metropolitana de Lisboa. O passo dado pelo governo da República de contemplar, embora parcialmente, o…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Todos à Manifestação Nacional de 15 de Novembro em Lisboa 

Todos à Manifestação Nacional convocada pela CGTP-IN para o dia 15 de Novembro em Lisboa  No Sábado (3 de Novembro) estive no almoço de confraternização de dirigentes e ex-dirigentes da Fiequimetal, na Quinta da Atalaia (terreno da Festa do Avante). Encontrei os que, como eu, já não militamos nas estruturas sindicais. Encontrei os que comigo militaram nas estruturas sindicais e nelas continuam. Encontrei muita gente nova que não conhecia. Foi bom saber que, os primeiros, os que já não militam nas estruturas sindicais, não arrumaram as botas e continuam a…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez

“Tenho que lhe dizer uma coisa. Li o comunicado que me deu, vai para dois anos, no Campo Grande, sobre o Passe Social Intermodal. Achei a argumentação correcta e pertinente, mas, confesso que a pretensão me pareceu utópica. Algum tempo depois, lá estavam vocês com um baixo assinado reclamando o Passe Social Intermodal. Assinei pouco convicto da utilidade da minha assinatura. Agora, o vosso sonho, que desejei, mas em que não acreditei, parece que vai ser uma realidade. Não sou comunista…. Desculpe, mas tive que lhe dizer isto…” Foi assim…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – 20º aniversário da atribuição do prémio Nobel a José Saramago

(Saramago no Centro Trabalho Vitória no dia do regresso a Lisboa depois de receber o Nobel)   Vinte anos depois da atribuição a José Saramago do prémio Nobel da literatura, único Nobel da literatura atribuído a um escritor de língua portuguesa e porque a escrita de José Saramago sempre me encantou, passei em revista as minhas relações com o escritor. Não tenho pretensões de ter conhecido a pessoa José Saramago. A minha relação pessoal com ele foi meramente institucional quando a Sociedade de Instrução e Beneficência A Voz do Operário…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Mafra – PDM “À La Carte”

MAFRA – PDM “À LA CARTE” Depois de uma reunião de Assembleia Municipal tenho dificuldade em escrever uma crónica que não relacionada com ela, tanto mais que foi uma reunião com alguns traços preocupantes. Se não vejamos. No Período Antes da Ordem do Dia (PAOD), a CDU, grupo municipal em que estou integrado, fez uma intervenção no sentido da Assembleia recomendar à Câmara a adopção da taxa mínima de IMI para o ano de 2018, ou seja, 0,3%, propondo-a em próxima reunião. O Presidente da Mesa da Assembleia recusou-se a…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Ainda a Festa do Avante

Ainda a Festa do Avante Interrompi as minhas crónicas convidando os meus leitores a participarem na Festa do Avante. Por detrás do nosso convite, e quando digo nosso estou a pensar nos militantes comunistas e em todos os que não sendo militantes, ano após ano, poem de pé a nossa grande montra. Os comunistas são politicamente transparentes, quem vai à Festa do Avante, não sendo comunista não virá de lá comunista, mas terá de reconhecer que só um colectivo de homens e mulheres com uma grande vontade de servir  os…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – O Concelho não é rico, mas a Câmara é?

O Concelho não é rico, mas a Câmara é?   À crónica anterior dei-lhe o título de “O Concelho não é rico, mas a Câmara é” e fiz uma comparação do poder de compra dos munícipes de Mafra com o poder de compra dos munícipes da Área Metropolitana de Lisboa e do País. Os números analisados, foram obtidos das estatísticas do INE. Os munícipes de Mafra, de facto, não são ricos, ganham menos, e têm menos poder de compra do que a média dos habitantes do nosso país, o que…

Ler mais