Mafra | Autarquia apoia os três corpos de bombeiros voluntários com 450.000€

bomb

 

O Concelho de Mafra conta com três corpos de bombeiros – Ericeira, Mafra e Malveira.

De acordo com a autarquia, os serviços prestados por estas associações “compreendem não só o apoio em situação de catástrofe e o combate a incêndios, mas também o transporte de doentes” sendo que com a pandemia “a receita deste último serviço veio continuamente a diminuir” provocando desequilíbrios financeiros. Ainda segundo a autarquia, esta situação “tende a agravar-se face ao novo protocolo de transporte de doentes realizado com o Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM)”.

Deste modo, foi à última reunião de câmara a aprovação de atribuição de um apoio financeiro extraordinário no valor de 450.000 € repartido de igual modo pelos três corpos de bombeiros voluntários do concelho.

  • Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Vila da Ericeira: 150.000 €.
    – 50.000 € destinados a despesas de Grandes Reparações e recondicionamento a efetuar nas viaturas de socorro e transporte de doentes – “viaturas, que embora não tenham muitos anos de matrícula, apresentam, no entanto, um elevado número de quilómetros, mostrando-se agora necessário, útil e inadiável, proceder ao seu recondicionamento através de uma Grande Reparação”
    – 100.000 € para despesas correntes de apoio à tesouraria.
    …………………………………
  • Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Mafra: 150.000 €.
    Desde o ano da sua construção do seu novo edifício que esta associação se depara com o fato de ter de parquear várias viaturas da sua frota na rua “o que traz diversos constrangimentos, tanto a nível da conservação dos mesmos, bem como do conforto para os utentes transportados”. O financiamento agora doado pela autarquia destina-se à construção de duas garagens – de acordo com os Bombeiros de Mafra o orçamento desta obra ascende os 500.000 mil euros.
    …………………………………
  • Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários da Malveira: 150.000€.
    – 70.000 € destinam-se à reparação do Veículo de Socorro e Assistência Especial, viatura essencial para o auxílio a acidentes rodoviários
    – 21.000 € destinam-se à aquisição de um novo veículo ABTM 13 dado que o anterior “sofreu um grave acidente que inviabilizou a sua recuperação”
    – 60.000 € destinam-se a apoiar a liquidação do Empréstimo a curto prazo realizado por esta Associação em junho de 2021 “para proporcionar liquidez à Associação”.

Tendo uma função social estruturante na segurança pública e no apoio às populações, as associações de bombeiros não têm condições de autonomia financeira, recorrendo com muita frequência a subsídios públicos e, por outro lado, são geridas por elementos ligados à estrutura política da autarquia.

Leia também