5 de abril, o Dia Nacional do Doente com Artrite Reumatoide

Artrite Reumatoide

5 de abril é o Dia Nacional do Doente com Artrite Reumatoide

 

Assinala-se anualmente, a 5 de abril o Dia Nacional do Doente com Artrite Reumatoide.

A data foi criada em 1999, pelo Ministério da Saúde, tendo em conta o elevado número de pessoas com artrite rReumatoide em Portugal.

As doenças dos ossos e articulações afetam pessoas de todas as idades. O objetivo deste dia é sensibilizar a comunidade para os desafios de ordem pessoal, familiar e profissional enfrentados, diariamente, por quem tem artrite reumatoide“,

A artrite reumatoide é uma doença reumática que pode atingir pessoas de qualquer idade, inclusivamente crianças. Em Portugal, a doença afeta entre 50 a 60 mil pessoas e tem uma grande prevalência no sexo feminino.

Trata-se de uma doença inflamatória sistémica que provoca dor, edema (inchaço), rigidez e perda de função nas articulações, resultante de vários fatores. Pode atingir outros órgãos e sistemas, como os pulmões, o coração, ou os olhos.

O diagnóstico e consequente tratamento são importantes na gestão da doença, de modo a evitar as complicações.

O que é a Artrite Reumatoide?

A Artrite Reumatoide (AR) é uma doença crónica, inflamatória, autoimune, que se caracteriza pela inflamação das articulações e que pode conduzir à destruição do tecido articular e periarticular. Ocorre também uma ampla variedade de alterações extra-articulares.

É uma doença crónica porque não tem cura, mas se eficazmente tratada, tem bom prognóstico vital e funcional. Nos últimos anos houve uma melhoria substancial no tratamento desta doença, com uma utilização mais eficaz dos medicamentos modificadores de doença já existentes, tendo também surgido novas armas terapêuticas.

Os doentes com sentem dor e dificuldade em mobilizar as articulações, mas os sintomas podem ser muito variados. A supressão da inflamação nos estágios iniciais da doença, ou seja, o tratamento precoce, pode resultar em melhoria substancial do prognóstico a longo prazo.

Artrite reumatoide – prevalência

A AR não é uma doença rara, a sua prevalência (frequência) varia de 0,5-1,5% da população nos países industrializados. Em Portugal estima-se que afete 0,8 a 1,5% da população. A ocorrência global de AR é duas a quatro vezes maior em mulheres do que em homens. O pico de incidência nas mulheres é após a menopausa, mas pessoas de todas as idades podem desenvolver a doença, incluindo adolescentes.

Leia também