Mafra | Começou o julgamento dos detidos por tráfico de droga frente à Secundária José Saramago e EB de Mafra

Começou o julgamento do caso de tráfico de droga em frente a escolas de Mafra

 

 

No Tribunal de Sintra iniciou-se hoje o julgamento do caso de tráfico de droga (canábis e cocaína) em frente a escolas de Mafra, respondendo os arguidos por crimes de tráfico de estupefacientes ou de cumplicidade.

Este é um caso com 11 arguidos, com idades entre os 21 e os 44 anos, 3 dos quais em detenção preventiva na prisão de Caxias, embora nesta sessão do julgamento só 10 tenham comparecido. Dos arguidos que estiveram hoje presentes em tribunal, 9 decidiram exercer o direito de se remeterem ao silêncio.

Só um dos arguidos decidiu prestar declarações perante o tribunal, admitindo ter “ajudado” um dos detidos. A referida ajuda terá consistido na deslocação dos dois à Amadora para se abastecer de haxixe (7 placas de haxixe), tendo esta droga sido encontrada pela GNR, já em Mafra, no decurso de uma busca à viatura.

A operação da GNR que esteve na base da detenção dos arguidos agora em julgamento teve origem na deteção da venda de estupefacientes, entre junho de 2016 e maio de 2018, a estudantes com idades entre os 14 e os 18 anos, da EB 23 de Mafra e da Escola Secundária José Saramago.

O julgamento deverá prolongar-se por várias sessões, estado a última marcada para 12 de junho.

O Jornal de Mafra já se tinha referido a este caso no artigo que pode aqui consultar de seguida:

Mafra || 11 detidos por tráfico de droga junto a escolas da vila

 

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados