Vamos à Farmácia | A importância de se vacinar contra a pneumonia

Vamos à Farmácia | Ana Quintela

 

A importância de se vacinar contra a pneumonia

Dúvidas acerca da vacina Prevenar 13

A Organização Mundial de Saúde (OMS) recorda que morrem cerca de 1,2 milhões de crianças com menos de 5 anos em todo o mundo devido à pneumonia. Em Portugal, sabe-se que esta é também uma das maiores causas de hospitalização.

Por este motivo, é essencial apostar na prevenção da doença. E para isso existe comercializada uma vacina contra a bactéria Streptococcus pneumoniae, a Prevenar 13. Esta vacina está indicada na prevenção contra doença invasiva, pneumonia e otite média/aguda em crianças entre as 6 semanas e os 17 anos. É indicada também na prevenção da doença invasiva e pneumonia no adulto e no idoso. Ajuda ainda na prevenção de algumas meningites e septicémias.

 

Quem deve fazer esta vacina? Tenho direito a ela gratuitamente?

A Prevenar 13 já pertence ao PNV (Programa Nacional de Vacinação) e é gratuita para todas as crianças nascidas a partir de 1 de Janeiro de 2015.

Qualquer adulto ou criança com doenças crónicas de alto risco (DPOC, cancro do pulmão, portadores de HIV) tem também direito à vacina gratuitamente nas unidades de saúde.

Adicionalmente, de acordo com recomendações internacionais, em Portugal o GRESP (Grupo de Trabalho de Problemas Respiratórios) recomenda a vacina Prevenar 13 a toda a população a partir dos 65 anos. Embora nestes casos, bem como para qualquer pessoa imunocompetente que pretenda vacinar-se contra a pneumonia, só poderá adquirir a vacina na sua farmácia mediante uma receita médica. Nestes casos, a vacina é comparticipada a 37% pelo Estado.

 

Quantas doses são necessárias da vacina Prevenar 13?

O esquema de administração desta vacina contra a pneumonia é mais complexo nas crianças:

  • De modo geral, às crianças são administradas 3 doses. Aos 2 meses, aos 4 meses e uma dose de reforço entre os 11-15 meses de idade.
  • Crianças entre as 6 semanas e os 6 meses necessitam de 4 doses, com um intervalo de 1 mês cada, à excepção da 4ª dose que é administrada entre os 11-15 meses de idade.
  • Às crianças entre os 6-11 meses recomendam-se 3 doses, a 1ª e a 2ª com um intervalo de 1 mês e a 3ª dose aos 2 anos de idade.
  • Entre os 12-23 meses recomendam-se apenas 2 doses, com um intervalo de 2 meses.

 

Quanto aos adultos, ou qualquer criança acima dos 2 anos de idade, recomenda-se uma dose única desta vacina.

 

É uma vacina com muitos efeitos secundários?

De modo geral não. Os efeitos secundários mais frequentes da Prevenar 13 são a febre, a diminuição do apetite, irritabilidade e reações no local da injeção (vermelhidão, inchaço ou dor). Mas, são normalmente efeitos de curta duração.

 

Posso tomar a vacina doente?

É indicado que em caso de febre alta, a administração da Prevenar 13 seja adiada até se sentir completamente recuperado. Mas, se estiver com uma infecção ligeira, como por exemplo uma constipação pode mesmo assim fazer a administração desta vacina.

 

Quero vacinar-me contra a gripe e contra a pneumonia, posso fazer as duas vacinas no mesmo dia?

Sim. Estas duas vacinas podem ser administradas ao mesmo tempo, mas em locais diferentes. Normalmente são feitas no mesmo dia, uma no braço esquerdo e outra no direito.

 

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados