Quartel do Carmo com visitas gratuitas até maio

Quartel do Carmo

Quartel do Carmo com visitas gratuitas até maio

 

Tal como ocorreu em anos anteriores, por altura das celebrações do 25 de abril, o Quartel do Carmo, em Lisboa, abre as suas portas ao público.

Até ao próximo dia 12 de maio será possível visitar espaços icónicos do quartel, o museu, o corredor D. Nun’Álvares, o Salão Nobre, os gabinetes do Comando e a varanda sobre o Rossio.

Horários:

As visitas decorrem até 12 de maio de segunda-feira a sábado e aos feriados, no seguinte horário:

  • Museu: das 10h00 às 18h00 horas (última entrada às 17h30)
  • Restantes espaços: das 10h00 às 17h30 horas (última entrada às 16h30)
  • O acesso à varanda panorâmica sobre o Rossio estará limitado, nos dias úteis, entre as 16h00 e as 17h00 horas (última entrada às 16h30).

A entrada é gratuita.

Foi no Quartel do Carmo que no dia 25 de abril de 1974 se refugiou o presidente do conselho (chefe do Governo do regime ditatorial), Marcelo Caetano, e onde se deu a sua rendição, depois das forças comandadas pelo capitão Salgueiro Maia terem sitiado o local.

O Quartel do Carmo, situado no Largo do Carmo, em Lisboa, tem mais de 600 anos de história. Durante 400 anos foi um Convento Carmelita e há 200 anos que é Comando das Guardas Militares da Polícia e desde 1910-1911, é a sede do Comando-geral da Guarda Nacional Republicana.

 

Leia também