Euromilhões já criou 74 excêntricos em Portugal desde 2004 – um deles na semana passada em Lisboa

euro

 

Na última semana do ano, o Euromilhões fez mais um excêntrico na 3.ª feira (1.º prémio) e saiu um 2.º prémio no sorteio de ontem.

A Santa Casa da Misericórdia refere que com o vencedor da passada 3.ª feira (27 de dezembro) são “já 74 os primeiros prémios entregues no nosso país, desde o lançamento deste jogo”. O primeiro saiu em novembro de 2004, sendo registado no distrito de Braga.

O maior prémio que saiu em Portugal ascendeu a cerca de 190 milhões de euros, e saiu em 2014 a um apostador que registou o boletim no distrito de Castelo Branco.

Em 2022 foram dois os primeiros prémios que saíram em Portugal:

  • A 4 março um apostador do distrito de Leiria arrecadou 78.587.957 €
  • A 27 de dezembro um apostador do distrito de Lisboa (boletim registado em Camarate, Loures) arrecadou 26.956.990,00 €

Em 2022 saíram 28 segundos prémios em Portugal – o último deles no sorteio de ontem – e 78 terceiros prémios.

Nem todos os prémios foram reclamados, sendo que passados três meses (prazo legal) sem reclamar o prémio, o mesmo acaba por caducar. Nestes casos, o valor do prémio reverte para a Santa Casa da Misericórdia de Lisboa, que investirá o respetivo valor na componente social a que a instituição se dedica.

Em 2023, o Euromilhões irá continuar “a criar excêntricos de um dia para o outro” .

Leia também