Autoridade Marítima Nacional aconselha a população a evitar zonas expostas à agitação marítima

agitação

Autoridade Marítima Nacional aconselha a população a evitar zonas expostas à agitação marítima

 

A Autoridade Marítima Nacional (AMN) aconselha a população a evitar ida a banhos e a não frequentar zonas expostas à agitação marítima nos primeiros dias do novo ano.

O comunicado da AMN é o seguinte:

“Com a entrada do novo ano, altura em que muitas pessoas se deslocam a praias e zonas costeiras, a Autoridade Marítima Nacional aconselha toda a população a evitar frequentar zonas expostas à agitação marítima, adotando uma postura preventiva e de segurança, evitando expor-se desnecessariamente ao risco.

As previsões apontam para um aumento significativo da agitação marítima na costa ocidental de Portugal Continental e nos arquipélagos dos Açores e da Madeira, muito característica do mar de inverno, pelo que as pessoas devem sempre manter uma distância considerável em relação à linha de água, evitando ser surpreendidas, uma vez que o mar pode facilmente alcançar zonas aparentemente seguras.

Assim, a Autoridade Marítima Nacional aconselha toda a população a não frequentar zonas expostas à agitação marítima, como é exemplo molhes e esporões, assim como a evitar ida a banhos, adotando uma postura preventiva e de segurança.

Feliz Ano Novo com mar, mas sem mergulhar!”

Leia também