Dois homens detidos por violência doméstica no concelho de Mafra

PUB

 

O Comando Territorial de Lisboa da GNR, através do Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas (NIAVE) deteve esta semana dois homens por violência doméstica, no concelho de Mafra.

A primeira detenção ocorreu no dia 31 de maio, na localidade da Malveira.

Os militares da GNR apuraram que o suspeito, um homem de 36, infligiu forte pressão psicológica durante a relação que mantinha com a vítima, a sua companheira de 30 anos, tendo mesmo chegado a apontar uma faca à vítima, ameaçando-a de morte. Com o aumento da gravidade dos episódios de violência, os militares da Guarda deram cumprimento a um mandado de detenção do indivíduo, a quem, após ter sido presente a tribunal, foi decretada a medida de coação de proibição de contacto com a vítima.

A segunda detenção ocorreu no dia 1 de junho, em Mafra.

Os militares da GNR apuraram que o suspeito, um homem de 57 anos, que esteve ausente do país durante algum tempo, ao regressar começou a adotar um comportamento abusivo e ofensivo com a vítima, a sua mãe. O agressor, consumidor habitual de substâncias ilícitas e desempregado, ameaçava de morte a vítima, e exigindo-lhe dinheiro. Com o aumento da gravidade dos episódios de violência, foi dado cumprimento a um mandado de detenção do indivíduo. Após ter sido presente a tribunal foi decretada ao detido, já com antecedentes criminais pelos crimes de furto e de tráfico de estupefacientes, a medida coação de proibição do contacto com a vítima.

 

Leia também