IPMA | Depressão Bárbara chega esta tarde a Portugal com chuva, vento e agitação marítima

A Depressão Bárbara chegará esta tarde a Portugal e vem acompanhada de vento forte, chuva por vezes forte, agitação marítima e descida da temperatura máxima.

O Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) emitiu um comunicado acerca dos efeitos da depressão Bárbara em Portugal Continental

Os efeitos desta depressão no território continental serão essencialmente sentidos pelo aumento da intensidade do vento a partir da tarde de dia 19 de outubro prolongando-se até ao final do dia 20, com rajadas até 100 km/h e até 130 km/h nas terras altas.

Adicionalmente, a depressão tem associado um sistema frontal de atividade moderada a forte, que se aproximará de Portugal continental a partir da tarde de dia 19, e irá atravessar todo o território durante o dia 20, dando origem também a precipitação por vezes forte e persistente, em especial entre o início da tarde de dia 19 e o final de dia 20. No dia 20, prevê-se uma descida da temperatura máxima, que irá variar aproximadamente entre 15 e 23°C.

Prevê-se um aumento da agitação marítima, em especial na costa da região Sul, a partir da tarde de dia 19 e até final de dia 20, onde a altura significativa das ondas poderá atingir 3,5 metros de sudoeste.

Comunicado válido entre 2020-10-18 14:00:00 e 2020-10-20 23:59:00

   

Leia também