Autoridade Marítima alerta população para não ir às praias no fim-de-semana prolongado

O fim de semana que hoje se inicia, além de ser prolongado, promete ser quente. O Instituto do Mar e da Atmosfera (IPMA) prevê que as temperaturas venham a atingir os 30º em várias zonas de Portugal Continental.

Por esse motivo, a Autoridade Marítima Nacional (AMN) recomenda à população“que no próximo fim-de-semana prolongado, com previsão de aumento da temperatura, se mantenha afastada das praias, assumindo um comportamento de segurança e evitando expor-se ao risco”.

A data prevista para o início da época balnear é o dia 1 de junho, assim, as praias ainda não são vigiadas por nadadores-salvadores, mas o mais importante de tudo é que o país atravessa uma situação de pandemia causada pela Covid-19, pelo que os ajuntamentos têm de ser evitados, para bem da saúde pública, para bem de todos nós.

Ao longo dos próximos dias, a Polícia Marítima irá vigiar e fiscalizar as praias com o “objetivo de sensibilizar a população e evitar comportamentos de risco, salvaguardando a saúde pública”.

A AMN relembra que é “fundamental que os portugueses sigam as indicações e recomendações das autoridades e mantenham os comportamentos de segurança, a distância social e evitem expor-se desnecessariamente ao risco”.

Deixa-se também o alerta para que “não deve entrar dentro de água caso testemunhe uma situação de perigo, mas sim pedir ajuda através do 112.”

 

Lembre-se: Uma ida à praia não vale uma vida!

   

Leia também