Crónica de Psicologia de Filipa Marques | Ler?! Para quê?

[sg_popup id=”24045″ event=”onLoad”][/sg_popup]

Crónica de Psicologia de Filipa Marques | Ler?! Para quê?

Ler?! Para quê?

Desde pequenos que os nossos pais nos leem histórias ao adormecer, que lemos livros em momentos de descontração e que fazemos leituras para obter conhecimentos sobre determinados temas. Quando vamos para a escola a leitura acompanha-nos como um instrumento primordial de aprendizagem e desenvolvimento. Lemos para nos tornarmos mais instruídos e cultos, para mantermos são o nosso raciocínio e para passar bons momentos de tranquilidade. Hoje, do que vamos falar? Da leitura e dos seus benefícios!

Então ler… para quê?

Ler potencia as nossas capacidades intelectuais, permitindo manter o nosso cérebro ativo e saudável. Uma das características positivas que advém da leitura é a criatividade. Ao ler, somos transportados para um mundo imaginário de cenários, contextos e relações onde se desenrolam as histórias, o que nos treina na imaginação e na capacidade de pensar para além daquilo que já conhecemos e vivemos, tornando-nos mais criativos. Para além disso, ler torna-nos mais abertos para conhecer realidades diferentes das nossas, porque nos permite por um momento, ter uma visão do mundo diferente da nossa e mergulhar noutras culturas, realidades, situações, pessoas e ideias. Este exercício é um meio precioso de combate aos preconceitos e estigmas que muitas vezes temos, ajudando-nos a ter uma mente mais aberta para o que for diferente de nós ou da nossa realidade.

Ler torna-nos mais cultos. Isto acontece porque dá-nos um maior conhecimento da nossa realidade cultural, história, social e política, entre outras. Por exemplo, ao lermos o jornal ou livros históricos, passamos a saber mais sobre o mundo que nos rodeia e a entender determinados acontecimentos históricos ou políticos, porque estamos informados. Deste modo, a leitura permite-nos obter informações, obter e aprofundar conhecimentos, compreender melhor o meio em que vivemos. Se sabemos mais e se podemos até ler as opiniões de diferentes pessoas sobre este tipo de temas, então também estamos numa posição de adotar uma visão e opinião própria sobre cada um dos temas. Podemos assim dizer que a leitura fomenta a visão crítica.

A leitura é ainda uma ferramenta essencial na aprendizagem escolar. Isto porque ler permite-nos adquirir e reter conhecimentos, úteis ao percurso educativo e à nossa vida quotidiana. Nomeadamente, ler enriquece o vocabulário, melhora as competências linguísticas (escritas e orais) e aumenta a capacidade de argumentação porque a pessoa aprende a estruturar melhor o seu discurso. Devo salientar que a leitura “é o remédio” para questões relacionadas com a dislexia. Após aprender as técnicas corretas para minimizar os erros que as pessoas com dislexia têm, só a leitura (e a escrita) lhes proporcionará o treino necessário para ultrapassarem as suas dificuldades.

Estes são apenas alguns dos inúmeros benefícios que a leitura proporciona e, por isso,

deve ser incentivada em todas as idades! Podemos assim dizer que é um hábito a incutir “desde os 8 aos 80”. É caso para perguntar: já leu um bocadinho hoje?


Pode ler (aqui) todos os artigos de Filipa Marques.

Filipa Marques Psicologia


 

Artigos Relacionados