1 morto e 105 pessoas por conduzirem com excesso de álcool nos últimos dois dias

gnr6 capa

1 morto e 105 pessoas por conduzirem com excesso de álcool nos últimos dois dias

 

Está na estrada a 3.ª fase e última fase da Operação “Natal e Ano Novo 2023/2024” da Guarda Nacional Republicana (GNR).

No âmbito desta Operação a GNR fiscalizou, nos dias 29 e30 de dezembro, 16934 condutores fiscalizados, dos quais 105 conduziam com excesso de álcool e, destes, 58 foram detidos por conduzirem com uma taxa de álcool no sangue igual ou superior a 1,2 g/l.
Durante o mesmo período foram ainda detidas 49 pessoas por conduzirem sem habilitação legal.

Foram ainda registadas 4231 contraordenações rodoviárias, das quais a GNR, destaca:

  • 1214 por excesso de velocidade
  • 47 excessos de álcool
  • 153 por falta ou incorreta utilização do cinto de segurança e/ou sistema de retenção para crianças (SRC)
  • 95 por uso indevido do telemóvel no exercício da condução
  • 412 por falta de inspeção periódica obrigatória
  • 154 por falta de seguro de responsabilidade civil obrigatório.

No mesmo período de tempo, os dados provisórios, da GNR registam 390 acidentes, dos quais resultaram 1 vítima mortal, 7 feridos graves e 75 feridos leves.

A vítima mortal, um homem com 76 anos, resultou de uma colisão entre veículo ligeiro de passageiros e um velocípede em Castro Verde, no concelho de Beja.

 

 

Até Operação “Natal e Ano Novo 2023/2024” termina no próximo dia 2 de janeiro de 2024.

Leia também