Mafra | Prisão preventiva para homem acusado de violência doméstica

 

O Núcleo Investigação Apoio Vítima Especifica (NIAVE) da Guarda Nacional Republicana (GNR) deteve ontem um homem de 47 anos por violência doméstica, no concelho de Mafra.

No seguimento de um processo de violência doméstica a GNR conseguiu apurar que o suspeito exercia violência psicológica sobre a ex-companheira, uma mulher de 49 anos, chegando mesmo a perseguir e a ameaçar a vítima.

No decorrer das diligências policiais foi dado cumprimento a um mandado de detenção que culminou na detenção do agressor.

Depois de presente no Tribunal Judicial de Sintra foi aplicada ao agressor a medida de coação de prisão preventiva.

 

A GNR alerta que a “violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva. Se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica participe:

  • No Portal Queixa Eletrónica, em queixaselectronicas.mai.gov.pt;
  • Via telefónica, através do número de telefone: 112;
  • No Posto da GNR mais próximo à sua área de residência, tendo os nossos contactos sempre à mão em www.gnr.pt/contactos.aspx;
  • Na aplicação App MAI112 disponível e destinada exclusivamente aos cidadãos surdos, em http://www.112.pt/Paginas/Home.aspx;
  • Na aplicação SMS Segurança, direcionada a pessoas surdas em www.gnr.pt/MVC_GNR/Home/SmsSeguranca.”

 

Leia também

Comentário