Sintra | Três homens detidos por violência doméstica na última semana no concelho de Sintra

 

A Guarda Nacional República (GNR) anunciou esta semana que deteve três homens por situações de violência doméstica, no concelho de Sintra.
Nos três casos os militares da GNR, na sequência de inquéritos por violência doméstica, apuraram que os suspeitos exerciam violência doméstica sobre as vítimas.
A dois deles foi aplicada a medida de coação de pulseira eletrónica e o outro ficou em Prisão preventiva.

Num dos casos foi detido um homem de 54 anos por este exercer violência psicológica sobre as vítimas, os seus pais de 70 e 71 anos.
Depois de presente a tribunal foi-lhe aplicada a medida de coação de proibição de contacto com as vítimas e afastamento da residência, controlado por pulseira eletrónica.

Noutro, um homem de 31 anos foi detido por praticar violência psicológica contra a sua ex-companheira, uma mulher de 31 anos. O suspeito já havia sido condenado a pena de prisão suspensa de dois anos e meio.
Depois de presente a tribunal foi-lhe aplicada a medida de coação de prisão preventiva.

Por último, foi detido um homem de 53 anos por este praticar violência psicológica sobre a sua ex-companheira, uma mulher de 56 anos.
No decorrer das diligências policiais foi dado cumprimento a um mandado de detenção e um mandado de busca domiciliária, buscas que culminaram na detenção do suspeito e apreensão do seguinte material:

  • Três espingardas;
  • Duas pistolas;
  • Um revólver;
  • Uma carabina;
  • Uma caçadeira;
  • Duas navalhas;
  • Uma catana;
  • Um punhal;
  • 145 cartuchos de caça;
  • Quatro caixas de chumbos;
  • Duas bolsas de transporte para caçadeira;
  • Duas cartucheiras;
  • Um par de binóculos.

Depois de presente a tribunal foi-lhe aplicada a medida de coação de pulseira eletrónica e proibição de contacto com a vítima, com afastamento de uma distância 500 metros.

 

A GNR relembra que “a violência doméstica é crime público e denunciar é uma responsabilidade coletiva”.
Se precisar de ajuda ou tiver conhecimento de alguma situação de violência doméstica participe:

No Portal Queixa Eletrónica, em queixaselectronicas.mai.gov.pt;
Via telefónica, através do número de telefone: 112;
No Posto da GNR mais próximo à sua área de residência, tendo os nossos contactos sempre à mão em www.gnr.pt/contactos.aspx;
Na aplicação App MAI112 disponível e destinada exclusivamente aos cidadãos surdos, em http://www.112.pt/Paginas/Home.aspx;
Na aplicação SMS Segurança, direcionada a pessoas surdas em www.gnr.pt/MVC_GNR/Home/SmsSeguranca.

Leia também

Comentário