Mafra | Música, circo e teatro de rua na edição deste ano do Festival Sete Sóis Sete Luas

 

O Festival Sete Sóis Sete Luas regressa a Mafra já no próximo fim de semana, 10 e 11 de setembro, e traz com ele música, circo e teatro de rua, nesta que é a sua 30.ª edição.

Este ano, tal como no ano passado, os espetáculos irão ocorrer na Alameda da EPI (no lado sul do Palácio Nacional de Mafra).

A programação prevista é a seguinte:

10 setembro (sábado)

21h00 – Espetáculo de bicicleta acrobática “Kalabazi” (Brasil-Espanha)
Jessica Arpin é artista de circo, clown, atriz e exploradora, que apresenta os seus espetáculos entre teatro, circo, rua, cabaret e acrobacias nos chapiteaux de todo o mundo

22h00 – Concerto da “Blimunda 7Luas Orkestra” (Andaluzia, Cabo Verde, Itália, La Réunion, Portugal)
A Blimunda 7Luas Orkestra é uma criação musical original do Festival SSSL que homenageia o Premio Nobel José Saramago por ocasião dos 100 anos do seu nascimento. A orquestra reúne 6 prestigiados músicos vindos de Andaluzia, Cabo Verde, Itália, La Réunion, Portugal que irão desenvolver um repertório original inspirado nas personagens e no mundo das obras do Saramago em chave musical de acordo com as tradições de cada músico.

11 setembro (domingo)

19h00 – Teatro de rua: “Mute” (País Basco, Espanha)
Este divertido espetáculo é uma proposta original, simpática e cuidada, que cativa o público pelas suas emoções limpas, pela simplicidade e pela sua elaboração cuidada no desenvolvimento da história”.

 

20h00 – Concerto com o grupo NOP (Nuova Officina Popolare) (Nápoles, Itália)
NOP, um dos grupos mais afirmados da cena musical napolitana, vai trazer ao palco uma performance dinâmica inspirada na energia criativa da cidade do Vesúvio, onde a canção do autor encontra os ritmos irresistíveis da música popular contemporânea.

Os espetáculos têm entrada gratuita, mas sujeita à lotação do espaço.

O Festival este ano passa por Cabo Verde, Turquia, Espanha, Eslovénia, Marrocos, Luxemburgo, Itália, França, Croácia e Portugal. Em Portugal o festival passou ou vai passar por Montemor-O-Novo, Ponte de Soure, Castro Verde, Odemira, Castelo Branco, Oeiras, Elvas, Pombal, Alfandega da Fé e Mafra

 

Leia também

Comentário