Elísio Summavielle reconduzido na presidência do Centro Cultural de Belém

 

O Ministro da Cultura, Pedro Adão e Silva, anunciou hoje ter designado (reconduzido) Elísio Summavielle para o Conselho de Administração da Fundação Centro Cultural de Belém (FCCB). Segundo os Estatutos da Fundação, Elísio Summavielle preside ao Conselho Diretivo e ao Conselho de Administração.

Mafra tem um potencial que vai muito para além da música e muito para além do surf. Mafra é um território com uma natureza fantástica, com contratastes que conferem muita riqueza e identidade ao concelho [Elísio Summavielle]

Elísio Summavielle completara em março dois mandatos à frente do Centro Cultural de Belém (CCB) e foi agora reconduzido por mais 3 anos segundo nota do Ministério da Cultura.

Em entrevista ao Jornal de Mafra, em julho do ano passado Elísio Summavielle fez o balanço do seu trabalho à frente do CCCB:

São dois mandatos, o segundo dos quais será concluído em março de 2022. A missão a que me propus cumpriu os seus objetivos. Atingir um importantíssimo reequilíbrio financeiro, garantir alguma estabilidade, abrir a porta de uma melhor sustentabilidade futura com a conclusão do projeto Gregotti, uma maior e melhor oferta cultural para os cidadãos. O futuro está lançado, tenho uma perspetiva otimista quanto ao futuro desta instituição. Oxalá.

Elísio Summavielle tem uma ligação especial ao concelho de Mafra, sobretudo à Ericeira, tendo sido candidato à presidência e vereador na Câmara de Mafra, cargo que ocupou durante um mandato. Foi Secretário de Estado da Cultura e diretor-geral da Direção-Geral do Património Cultural (DGPC).

Leia também

Comentário