Sintra | Homem detido por mais de 700 crimes de abuso sexual a duas sobrinhas menores

 

A Polícia Judiciária (PJ) procedeu à “identificação e detenção fora de flagrante delito” de um homem, português, com 61 anos, por sob este recaírem “fortes indícios da prática de mais de setecentos crimes de abuso sexual de crianças, na sua forma agravada”.

Os crimes, praticados no concelho de Sintra, ocorreram entre os anos de 2007 a 2012 e 2015 a 2021, sendo as vítimas suas sobrinhas e que à data do início dos factos, tinham 7 e 8 anos.

De acordo com a PJ “o abusador sexual praticava os abusos na sua própria habitação, local frequentado pelas vítimas, aproveitando-se da dependência, da confiança e da proximidade que tinha com as mesmas, resultante dos laços familiares existentes”.

Depois de presente a primeiro interrogatório judicial, no Tribunal de Instrução Criminal, aplicou ao suspeito a medida de coação de prisão preventiva.

Leia também