Quais as áreas digitais com mais potencial de crescimento para 2022?

 

Cada vez mais empresas optam por reinventar-se e adaptar-se aos novos hábitos e preferências dos clientes. No ano de 2021, o número de companhias que migraram para a digitalização aumentou cerca de 60% em todo o mundo.

Isto porque, por um lado, muitas pessoas mudaram os seus hábitos e adequaram-se às novas tecnologias e meios digitais desde o início da pandemia. Por outro lado, o mundo online é um excelente canal para chegar mais longe e mais perto dos consumidores (e potenciais).

Posto isto, você sabe quais áreas digitais em 2022 têm mais potencial de crescimento? Veja abaixo:

Ginásios virtuais: fitness em casa

Como resultado do confinamento, surgiu a ideia de iniciar negócios de fitness online. Estas são empresas que optaram pela transformação digital e agora oferecem serviços de treino virtual para que as pessoas possam continuar a praticar desporto em casa.

Por meio de websites, aplicações ou videoconferências, oferecem sessões de aconselhamento, programas de formação e exercícios adaptados às preferências e necessidades dos utilizadores.

Tokenization de bens: o mundo do blockchain

Outro dos negócios digitais que irá avançar e cimentar a sua posição em 2022 são as plataformas dedicadas à tokenização de ativos, ou seja, a conversão de ativos reais em ativos digitais. Estes tokens estão intimamente relacionadas com a tecnologia de blockchain, que se baseia na transferência de informação de uma forma segura e automatizada.

Entretenimento online: iGaming e eSports

Estas duas áreas estão intimamente ligadas com o crescimento das tecnologias inteligentes, a interação entre os jogadores e o próprio jogo, que é cada vez mais real.

No caso do iGaming, a digitalização e massificação da Internet contribuiu para o surgimento de plataformas de casino online como o Betano, onde são oferecidos jogos tradicionais como o blackjack e a roleta com diferentes variantes, bem como uma vasta biblioteca de slots machines de conceção única, inspiradas na mitologia, na vida quotidiana, e até mesmo nas populares séries de TV, como Peaky Blinders ou o Hell’s Kitchen. Espera-se que esta tendência inovadora continue em 2022 e que ainda surjam novos desenhos e variantes, ao lado dos seus homólogos tradicionais.

Já no caso dos eSports, o mundo do streaming, da competição online e das marcas estão cada vez mais conscientes da importância desta área, que deve se desenvolver ainda mais, já que que movimenta milhões de dólares.

Formação online e micro-aprendizagem

Foi também demonstrado que a aprendizagem pode ser realizada através das mais recentes ferramentas tecnológicas, que facilitam a comunicação entre professor e aluno.

A oferta de um serviço de ensino online permite a personalização dos cursos e também oferece flexibilidade tanto às escolas e centros educacionais como aos estudantes, que podem aceder às aulas online a partir de qualquer lugar, utilizando qualquer dispositivo.

Em 2021, a título de exemplo, o município Torres Vedras realizou uma formação virtual exatamente sobre a era digital, com o intuito de explorar a interação com a sociedade atual.

Consultoria e coaching

Coaching, consultoria e alguns tipos de serviços começaram a ser prestados através da Internet após o início da pandemia. Uma vez terminado o confinamento, alguns clientes optaram por continuar a contratar tais serviços online.

Vemos, portanto, que estas são empresas cuja digitalização pode trazer vantagens tanto para o fundador como para os clientes, dado que não estão limitadas por restrições geográficas, e também poupam tempo e dinheiro.

Agências digitais 360º

As agências de serviços digitais 360º também têm sucesso como empresas online e espera-se que cresçam em 2022. Alguns exemplos são companhias que oferecem copywriting, criação de conteúdos, assistência virtual ou serviços de desenvolvimento de software, entre muitos outros.

No fundo, são também facilitadores para estes negócios mencionados nesta lista. Isto porque oferecem soluções para uma comunicação digital mais eficaz.

O que têm, então, estes negócios digitais em comum?

Estas áreas digitais têm dois aspetos principais em comum. Em primeiro lugar, são empresas que oferecem soluções ao seu público-alvo, por outro lado, tais áreas operam de forma autónoma, ou semi-autónoma. Geralmente, um negócio online irá gerar receitas através de um processo automatizado.

Quer isto então dizer que, face às necessidades do mercado e com o salto para o digital cada vez mais presente, estas são áreas que farão parte da linha de frente no que toca a serviços prestados, com uma grande probabilidade de crescimento.

Leia também