Torres Vedras | Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho é inaugurado na 5.ª feira

 

É já na próxima 5.ª feira, 5 de agosto, que o Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho abre as suas portas ao público.

A criação do museu pretende prestar a devida homenagem a Joaquim Agostinho, celebrar o ciclismo e os atletas desta modalidade.

Desde 2013 que está a ser recolhido espólio do ciclista natural do concelho de Torres Vedras e a coleção obtida inclui JÁ “bonés, canetas, porta-chaves, copos, relógios, cinzeiros, postais e calendários de várias equipas, galhardetes e camisolas assinados por Joaquim Agostinho e outros ciclistas, recortes de jornais, fotografias, medalhas de campeonatos do mundo, bicicletas em miniatura, postais enviados por ciclistas e respetivas equipas, cartazes de equipas, azulejos e cerâmica alusiva ao ciclismo, ferramentas, camisolas usadas por Joaquim Agostinho(…)” para além de “(..)troféus, camisolas amarelas ganhas e a bicicleta com a qual sofreu a queda que lhe causou a morte”.

O museu foi instalado no antigo refeitório da Casa Hipólito, edifício projetado e construído na década de 60 do século passado, reabilitado para acolher o Museu do Ciclismo Joaquim Agostinho. O investimento previsto para a reabilitação do espaço passou pelos 580 000,00 €.

A cerimónia irá contar com a presença do secretário de Estado da Juventude e do Desporto, João Paulo Rebelo, do secretário de Estado Adjunto e do Desenvolvimento Regional, Carlos Miguel, e da presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Laura Rodrigues.

 

   

Leia também