Conheça os dois Tesouros Nacionais que poderá visitar no palácio de Mafra em 2023

 

Foram classificados como Tesouros Nacionais, por unanimidade da Secção de Museus da Conservação e Restauro e do Património Imaterial (SMUCRI) do Conselho Nacional de Cultura, dois instrumentos da coleção do Museu Nacional da Música, coleção que em 2023 será possível visitar no Palácio Nacional de Mafra, ano em que se prevê a abertura do Museu Nacional da Música depois da sua transferência para o Real Edifício de Mafra.

Os dois novos Tesouros Nacionais em causa são o Cravo de João Batista Antunes e o Pianoforte de Henri-Joseph van Casteel.

 

Pianoforte
Van Casteel, 1763

Este instrumento é um dos raríssimos pianofortes originais construídos em Portugal e que chegaram até nós, sendo, por conseguinte, uma das peças mais relevantes do acervo do Museu Nacional da Música. Van Casteel foi um construtor de origem belga que exerceu o seu ofício em Portugal entre cerca de 1757 e 1769. Tanto quanto se sabe este pianoforte é, atualmente, o único conhecido em todo o mundo da sua autoria. Além deste instrumento, conhece-se apenas um outro da sua autoria, no caso um piano em forma de pirâmide do final do século XVIII, e que integra a coleção do Musée des Instruments de Musique, em Bruxelas.

Detalhes
Título: Pianoforte
Criador: Henri-Joseph van Casteel
Data de Criação: 1763
Localização da Criação: Lisboa, Portugal
Dimensões físicas: A. 22 cm x C. 227 cm x L. 87 cm
Material: Madeira de conífera, macacaúba, pau-santo, nogueira, buxo e latão

[MNM]

Cravo
João Baptista Antunes, 1789

De acordo com uma investigação recente conduzida por Ana Paula Tudela, este cravo foi construído por João Baptista Antunes (1737-1822), pai de outro construtor com o mesmo nome. Este cravo é um de quatro instrumentos conhecidos da família Antunes que chegaram aos nossos dias e o segundo na coleção do Museu, juntamente com o cravo de 1758.
Este cravo reflete o facto de ter sido construído numa altura de maior presença do pianoforte, daí que, relativamente ao cravo de 1758, possua uma maior extensão e um teclado maior, possibilitando, portanto, a apresentação de outro tipo de repertório.
Possui no tampo harmónico uma decoração com motivos vegetalistas.

Detalhes
Título: Cravo
Criador: João Baptista Antunes
Data de Criação: 1789
Localização da Criação: Portugal
Dimensões físicas: A. 25 cm x C. 266 cm x L. 105.8 cm
Material: Madeira de Macacaúba, pinho, ébano, pau-santo, buxo

[MNM]

Estes dois novos tesouros nacionais da coleção do Museu Nacional da Música, juntam-se aos 11 que o museu já tinha no seu espólio.

[Imagens: MNM/ Montagem de capa: Jornal de Mafra]

 

   

Leia também