Amanhã é noite de Super Lua

Amanhã, dia 27 de abril, ocorrerá uma Super Lua, a 1.ª das 2 Super Luas que irão ocorrer em 2021.

“Fala-se em Super Lua sempre que o instante de Lua Cheia ocorre quando a Lua está a uma distância da Terra inferior a 110% do perigeu da sua órbita. Em termos temporais, isto significa que a diferença entre os instantes de Lua Cheia e do perigeu é menor do que 1 dia e 8 horas. Segundo esta definição é possível ocorrer uma Super Lua frequentemente, mas nem todas terão o mesmo tamanho e brilho aparentes. Consulte aqui nesta tabela a lista das Super Luas que irão ocorrer até 2050.” Observatório Astronómico de Lisboa (OAL)

Amanhã, 27 de abril, a Lua nasce às 21h06 no azimute 70º, contado de Sul para Este, altura em que irá parecer maior do que o habitual. Esta ilusão de ótica de que a Lua é maior deve-se não só à ocorrência de Super Lua, mas também porque a Lua estará mais próxima do horizonte e vê-se mais ampliada.

Estando a Super Lua na constelação de Balança será possível observar o triângulo da Primavera formado pelas estrelas: Arcturo, Espiga e Régulo.

Céu visível às 22:00 horas do dia 27 de abril em Lisboa mostrando a Super Lua, o planeta Marte, o triângulo da Primavera e as estrelas mais brilhantes: Sírio, Arturo, Capela, Prócion e Betelgeuse. Imagem: OAL

No dia seguinte, 28 de abril, a Lua nasce às 22h25 e continuará a parecer maior do que o habitual.

A 2.ª Super Lua ocorrerá no dia 26 de maio e de acordo com o OAL será “mais favorável para observar”. A Super Lua de maio vai ocorrer durante um Eclipse total da Super Lua.

 

Leia também