Rali Dakar 2021 | Dupla Vaidotas Zala & Paulo Fiúza terminam da 36º posição com problemas mecânicos

A primeira etapa da edição deste ano do Dakar, que pelo 2º ano se realiza na Arábia Saudita, ligou Jeddah a Bisha num total de 345 km, 277 dos quais em especial.

O Mafrense Paulo Fiúza, que é copiloto do lituano Vaidotas Zala, teve um início de etapa “escaldante” e um final “tórrido” como lhe chama a organização.

Vaidotas Zala preparava-se para voltar a fazer o feito da edição do ano passado e vencer esta primeira etapa, pois aos 71 km de prova levava já meio minuto de avanço. Na fase final da prova, a dupla ainda se mantinha nos 5 primeiros, mas problemas na embraiagem ocorridos nos últimos 100 km fizeram com que terminassem na 36ª posição.

De acordo com a última publicação de Paulo Fiúza nas suas redes sociais “após um incansável trabalho de toda a equipa, o #325 está de volta e pronto para arrasar na etapa de amanhã”.

A classificação dos 15 participantes portugueses foi a seguinte:

Motos:
22º – Joaquim Rodrigues
27º – Rui Goncalves
64º – Alexandre Azinhais

Carros:
32º – Benediktas Vanagas com o copiloto português Filipe Palmeiro
36º – Vaidotas Zala com o copiloto português Paulo Fiúza
42º – Ricardo Porem e Jorge Monteiro
50º – Gintas Petrus com o copiloto português Jose Marques

Veículo leves T3 e T4:
22º – Lourenço Rosa e Joaquim Dias
54º – Rui Carneiro e Filipe Serra

Protótipos leves:
15º – Rui Carneiro e Filipe Serra

Camiões:
19º – Alberto Herrero, Juan Carlos Macho Del Olmo e o português Nuno Jorge Silva Fojo

Amanhã, a 2ª etapa ligará Bisha a Wadi Ad-Dawasir e com ela chegam as dunas a esta competição.

 

[Imagem: Vaidotas Žala – Agrorodeo Racing]

   

Leia também