Covid-19 | Concelho de Torres Vedras regista 4 novos casos nas últimas 24h

PUB

A Proteção Civil de Torres Vedras fez a atualização, ao dia de ontem, 22 de setembro, às 21h00, do ponto de situação de pandemia causada por Covid-19 no concelho de Torres Vedras, assim como a divisão dos casos pelas freguesias.

Até ao momento, contabiliza-se o total de 395 casos confirmados, dos quais 325 recuperados (82,28%).

Os nºs no concelho de Torres Vedras são os seguintes:

  • Casos ativos: 57 (+3 nas últimas 24h)
  • Casos confirmados: 395 (+4 nas últimas 24h)
  • Casos suspeitos: 19 (+6 nas últimas 24h)
  • Em vigilância ativa: 113 (0 nas últimas 24h)
  • Casos recuperados: 325 (+1 nas últimas 24h)
  • Óbitos: 13 (0 nas últimas 24h)

  • Situação epidemiológica no Lar de Nossa Senhora da Luz:

O cluster de COVID-19 localizado no Lar de Nossa Senhora da Luz, em Paradas, na União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira, conta com 15 casos ativos de infeção por SARS-CoV-2, todos eles pertencentes à União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira.

 

  • Situação epidemiológica na Igreja Cristã Evangélica de Torres Vedras:

O cluster de COVID-19 na Igreja Cristã Evangélica de Torres Vedras, na freguesia de Santa Maria, São Pedro e Matacães, apresenta 26 casos ativos de infeção por SARS-CoV-2, apresentando um novo caso confirmado. Do total de casos ativos, 19 residem no concelho de Torres Vedras, quatro no concelho da Lourinhã e três no concelho do Cartaxo.
Dos 19 casos ativos registados no Concelho, 11 pertencem à freguesia de Santa Maria, São Pedro e Matacães, seis à União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira, um à freguesia de Ponte do Rol e um à União das Freguesias de Carvoeira e Carmões.

 

Os casos ativos distribuem-se pelas freguesias do concelho da seguinte forma:

  • União das Freguesias de A dos Cunhados e Maceira: 29
  • Santa Maria, São Pedro e Matacães: 19
  • Turcifal: 3
  • Ponte do Rol: 2
  • Ramalhal: 1
  • São Pedro da Cadeira: 1
  • Silveira: 1
  • União das Freguesias de Carvoeira e Carmões: 1

 

Com o arranque do novo ano letivo escolar e com o fim do período de férias de muitos trabalhadores, antecipa-se um aumento significativo da circulação de pessoas na via pública. Assim, a Proteção Civil de Torres Vedras, com o parecer favorável da Comissão Municipal de Proteção Civil, recomenda o uso generalizado de máscara na via pública com base na aplicação do princípio da prevenção em saúde pública e como medida adicional de proteção individual e coletiva, evitando assim os riscos de contágio decorrentes do contacto em situações de aglomeração de pessoas.

Leia também