Torres Vedras | Foi ontem inaugurado o Smart Farm Colab dedicado à Inovação Digital na Agricultura

Torres Vedras tem, deste a tarde de ontem, um laboratório colaborativo para a Inovação Digital na Agricultura, o Smart Farm Colab (SFCOLAB).

O SFCOLAB pretende ser um centro gerador de soluções digitais inovadoras para a agricultura e uma referência nacional e internacional para a digitalização no setor da agricultura. Este laboratório colaborativo foi aprovado pela Fundação para a Ciência e Tecnologia (FCT) contando com 17 parcerias, entre elas, instituições públicas e privadas, instituições de investigação e universidades.

Tem por missão disseminar o uso da agricultura digital e gerar soluções digitais inovadoras e automatizadas para o sector agrícola ao longo da sua cadeia de valor, para maximizar o valor acrescentado de produtos nacionais de horticultura, fruticultura e viticultura, com enfase na região Oeste de Portugal. Serão aqui investigados temas relacionados com a área económica, incluindo as alterações climáticas, a inteligência artificial e a economia circular da agricultura.

A cerimónia de inauguração teve lugar ontem, na Estação Vitivinícola Nacional – INIAV, na localidade de Dois Portos, Torres Vedras, tendo contado com a presença do Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, da Ministra da Agricultura, Maria do Céu Albuquerque, do presidente da Câmara Municipal de Torres Vedras, Carlos Bernardes e do presidente do INIAV, Nuno Canada, entre outras entidades.

Segundo, Carlos Bernardes, presidente da Câmara Municipal, a localização deste laboratório nas instalações do INIAV representa “um “upgrade” para as mesmas, que tanto significado têm para a história da agricultura nacional, sendo que esse facto irá permitir “um trabalho em rede, em ecossistema””.

Maria do Céu Antunes, Ministra da Agricultura, referiu a importância da utilização de tecnologia de ponta referindo-se ao Smart Farm Colab como “uma iniciativa da maior importância para a agricultura e o país”. Sublinhando que “as ferramentas tecnológicas digitais que permitam a recolha e análise de dados” ajudam nas “melhores tomadas de decisão por parte dos agricultores […] ferramentas essas que podem ir da análise estatística à utilização de inteligência artificial, até à criação de aplicações para telemóvel que auxiliem em todo o processo produtivo. Para cumprir esta visão de uma Agricultura 4.0, são essenciais instalações como este laboratório colaborativo, que tem promovido a agricultura digital, criado inovação e conhecimento e acrescentado valor à nossa horticultura, fruticultura e viticultura”.

Manuel Heitor, ministro da Ciência, da Tecnologia e do Ensino Superior referiu, por seu lado, que “a importância do trabalho que a SMART FARM COLAB tem a fazer no sentido do aumento da produtividade agrícola e da diminuição do consumo de água e da utilização de produtos químicos na agricultura, que é uma prática bastante generalizada na região Oeste”.

O SFCOLAB situa-se nas instalações do INIAV (Instituto Nacional de Investigação Agrária e Veterinária), em Dois Portos.

[Imagens: MA]


O Jornal de Mafra e a DGS Aconselham


Mantenha-se protegido
Cuide de si, cuide de todos!


Leia também

Leave a Comment