Torres Vedras | Programa cultural (online) para este fim de semana

Face ao atual contexto causado pela pandemia da covid-19, a Câmara municipal de Torres Vedras criou o programa “Emergência Cultural Torres Vedras 2020”, um ciclo de programação nas áreas da cultura, artes e educação, que semanalmente apresentar uma programação em meio digital (online).

O programa, transmitido na página de facebook do Teatro-Cine de Torres Vedras, para este fim de semana é o seguinte:

22 de maio (6ª feira)
21h00 – Teatro: “Dentro de Momentos” (Projecto Ruínas Associação)
O projeto “dentro de momentos”, é uma reflexão sobre o acto performativo e a impossibilidade da proximidade com o público. Uma sequência de pequenos clips que retratam a rotina de pessoas em clausura, e em que cada um terá como inspiração ou mote, as componentes do espetáculo teatral.

Serão improvisadas situações em que no espaço do confinamento atual se questionam os elementos que compoẽm as nossas criações, e que normalmente temos como garantidos. Propomo-nos assim, filmar uma rotina ficcionada, aplicando-lhes as ideias inspiradas nos conceitos de cena, ator, espectador, cenário, figurinos, iluminação, texto, ação, género teatral, movimento, música, energia, narrativa, didascália, diálogo ou performance, entre outros.

23 de maio (sábado)
21h00 – Teatro: “Molde” (Costanza Givone e João Vladimiro)
Uma mulher prepara-se para fazer um molde em gesso. Cobre o seu corpo dessa matéria pastosa e espera. A câmara percorre sem pudor este casulo branco.

O gesso parte. Outros materiais envolvem o corpo, limitam e transformam-no, criando seres grotescos em constante mutação. Miragens de algo que estava esquecido ou simplesmente escondido. Figuras que habitam esta mulher e que ela não afasta, pelo contrário, integra.

“Figura” do lat. Figura. Do tema fingere: plasmar, modelar.

“Molde” é uma extensão para écran da performance, em construção, “Exposição”. Aproveitei estes tempos em que as artes performativas estão reclusas, para convidar o realizador João Vladimiro a criar um objeto artístico onde o material já trabalhado para a performance fosse reinterpretado. Molde é então um lugar de pesquisa, onde a relação com o meio cinematográfico (câmara e montagem), permite ultrapassar os limites do espaço teatral e imaginar novas soluções para a performance. “Molde” é assim uma nova criação que procura reencontrar a essência da perfomance “Exposição” e ampliar as suas possibilidades de comunicação.

 

24 de maio (domingo)
16h00 – Entrevista com o encenador italiano Francesco Esposito
Ciclo de 20 entrevistas a personalidades nacionais e internacionais das áreas da ópera, teatro, literatura, cinema, artes plásticas e outras, onde serão abordados temas da atualidade artística, sociológica e socioeconómica.
Nesta edição o convidado será o encenador italiano Francesco Esposito.

 

 

 

24 de maio (domingo)
16h30 – Música: Projeto “Sons da Misericórdia”
Sons da Misericórdia, é um projeto que pretente dar a conhecer o imponente órgão histórico da Igreja da Misericórdia. Através de um formato pedagógico, “Sons da Misericórdia” apresenta autores, géneros, práticas musicais num formato próximo do público, aliando o passado e a contemporaneidade, com música desde o séc.XVII até bandas sonoras dos nossos dias.
Uma autêntica degustação sonora pelo espaço e pelo tempo! Concerto comentado ao órgão, dando a conhecer autores, géneros, estilos, curiosidades do instrumento, juntando música/património/educação.

 

24 de maio (domingo)
16h30 – 1º Episódio: Começa a vida: Semente Sementinha!! (Projecto Semente)
O projecto Semente tem como objetivo central promover um enraizamento da sabedoria referente à interdependência entre os seres humanos e a natureza da qual faz parte e subsiste. Ser capaz de identificar plantas, árvores e animais ou compreender o ciclo de crescimento de um ser vivo, seja fauna ou flora, são apenas alguns dos conhecimentos que consideramos imprescindíveis à nossa vivência. Queremos ajudar a estimular a sensibilidade para o ciclo de vida dos vários produtos que utilizamos diariamente e construir alternativas para o dia-a-dia de cada família, de forma a reaproveitar, reduzir e reciclar. O projeto Semente abrange a área de educação ambiental mas também a área de criação artística. À medida que avançamos com a descoberta da natureza, avançamos com as criações artísticas inspirados pelo que a natureza nos dá.

Leia também