Rede nacional de Quiosques Cidadão temporários nas autarquias com maior volume de pedidos de cartão de cidadão

GOVERNO DE PORTUGAL

PUB

Em nota de imprensa o Ministério da Modernização do Estado e da Administração Pública informa que “o Governo está a promover a abertura de Quiosques Cidadão nos municípios com maior volume de atendimentos relativos aos cartões de cidadão, numa parceria entre a Agência para a Modernização Administrativa (AMA), o Instituto dos Registos e Notariado (IRN), o Instituto de Gestão Financeira e Equipamentos da Justiça (IGFEJ) e as respetivas autarquias“.

Depois das medidas excecionais e temporárias relativas à Covid 19, que limitaram o atendimento presencial aos atos urgentes e que prolongaram a validade dos cartões de cidadão até 30 de outubro, é agora necessário criar soluções que permitam de forma célere e ágil responder ao elevado número de pedidos e entregas de cartão de cidadão. Para garantir esta resposta, foram criados balcões temporários de atendimento, designados Quiosques Cidadão, nos municípios com maior procura destes serviços.

Os Quiosques Cidadão irão funcionar durante um mês, podendo ser prolongado o seu funcionamento se se verificar que tal é necessário.

A 20 de maio abriu em Sintra o primeiro Quiosque Cidadão, estando prevista a abertura de mais Quiosques Cidadão em Portugal Continental ao longo das próximas semanas, em função da evolução das necessidades.

A Agência para a Modernização Administrativa vai disponibilizar informação relativa aos serviços disponíveis no Quiosque Cidadão, nomeadamente a localização e os horários de funcionamento, no portal ePortugal.

Leia também