Covid-19 | Começaram hoje a ser utilizados os testes produzidos em Portugal

O Instituto de Medicina Molecular da Universidade de Lisboa desenvolveu um teste de despistagem da Covid-19.

Estes kit de diagnóstico do vírus criados em Portugal utilizam a mesma tecnologia utilizada na investigação do parasita da malária e oram já validados pelo Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge, o laboratório de referência para estes testes no nosso pais.

Segue-se aqui o protocolo estabelecido pelos Centro para Controlo e Prevenção das Doenças (CDC) dos Estados Unidos, para os testes da covid-19, recorrendo a reagentes produzidos em Portugal, não sendo necessário recorrer a reagentes importados.

Os testes são produzidos diariamente por voluntários, e nesta fase inicial, serão fabricados 300 testes, número que numa fase posterior poderá atingir 1000 unidades. O custo de produção de cada teste ronda os 30€.

Estes testes começaram hoje a ser utilizados na operação de testes de diagnóstico em lares de idosos, que arrancou nos concelhos de Lisboa, Aveiro, Évora e Guarda e que a meio da semana deverá estender-se aos lares de idosos dos concelhos de Portimão e Loulé e gradualmente a todo o país.

O governo fez já uma encomenda de dez mil testes, para serem realizados em lares de idosos a nível nacional.

   

Leia também