Ciclismo | Equipas de Torres Vedras nas provas do fim de semana

Os ciclistas da Sicasal – Torres Vedras estavam entre os mais de 100 atletas que disputaram na 24ª Clássica da Primavera, prova de 141 km realizada na Póvoa de Varzim.

“(…) Os cinco atletas resistentes da equipa de Torres Vedras mantiveram-se sempre no grupo mais adiantado até cruzarem a meta final no regresso à cidade da Póvoa de Varzim. Francisco Guerreiro foi o 3º elemento mais rápido do pequeno pelotão, cruzando a meta na 25ª posição a 10 minutos e 56 segundos do vencedor da prova, mas uma falha técnica da organização não permitiu detetar a sua passagem pela meta influenciando as demais classificações, nomeadamente dos restantes colegas de equipa que terminaram todos com o mesmo tempo de prova. Segundo a tabela classificativa da organização, Rafael Torres foi 30º, Diogo Narciso 31º, Daniel Dias 34º e Francisco Morais em 40º, mas a equipa torriense fez saber que vai reclamar a sua correção junto das entidades responsáveis, bem como solicitar os dados referentes à classificação da juventude, que não chegaram a ser apresentados.”

 

Os ciclistas da  Academia Joaquim Agostinho / UDO estiveram em várias frentes no passado fim de semana com atletas dos escalões de Cadetes e Juniores.

A equipa de Torres Vedras foi a 2ª melhor formação no Prémio Cidade de Fafe que abriu no passado fim de semana a época competitiva nacional para o ciclismo júnior.

“Diogo Sousinha, atleta nazareno que se estreou pela Academia Joaquim Agostinho / UDO foi um dos protagonistas, mas com o aproximar das dificuldades da parte final do percurso, a iniciativa que chegou a ter cerca de 1 minuto de vantagem, foi desfeita pelo pelotão e a corrida tomou um novo rumo. Onze atletas destacaram-se na dianteira com o objetivo da vitória, mas já dentro da cidade de Fafe, João Ferreira disferiu o último ataque sobre o piso empedrado da reta final e triunfou isolado ao fim de 1 hora e 55 minutos de prova.
Daniel Gonçalves cruzou a meta na 13ª posição 45 segundos depois do companheiro de equipa e 30 segundos antes do trio formado por Diogo Pinto, Tiago Costa e Paulo Pereira que concluíram juntos no top 25 da classificação. O resultado do excelente trabalho de todos os elementos da equipa, coroou a Academia de Torres Vedras como a 2ª melhor formação na prova minhota.”

 

No 23º Prémio de Ciclismo de Barroselas a equipa torriense alcançou o 3º lugar coletivo do pódio.

“(…) Diogo Dias destacou-se a partir da segunda volta ao integrar uma fuga a 7 que animou a corrida até ao seu desfecho. Manteve-se na frente até à derradeira linha de meta, mas apesar da combatividade demonstrada, o atleta da Academia torriense viria a perder a disputa com João Silva do Bairrada Cycling Team, que venceu a prova. Terminou na 2ª posição da geral e com as duas contagens de montanha que conquistou, foi coroado “rei” dos trepadores da prova e ainda amealhou pontos suficientes para subir uma vez mais ao pódio para receber o troféu de 2º melhor na classificação das metas volantes. João Ferreira, que havia saltado do pelotão ao encontro do grupo que seguia na dianteira, terminou na 5ª posição, ajudando a equipa a conquistar o 3º lugar do pódio coletivo.”

 

A prova de abertura do calendário 2020 para cadetes realizou-se em Cantanhede.

“Rafael Andrade terminou na 21ª posição a prova de abertura do calendário 2020 para cadetes que se disputou no domingo em Cantanhede.

No final dos 80 km de corrida, o atleta do Bombarral chegou integrado no pelotão, gastando mais 46 segundos que o grande vencedor da jornada, António Morgado da Anipura-GDM. Numa prova sem percalços para os cinco atletas da Academia que se apresentaram à partida, Afonso Hermenegildo foi o 2º mais rápido da equipa ao concluir no 32º posto, enquanto Pedro Martins, Mário Hipólito e Miguel Malhado chegaram à meta juntos na 43ª, 50ª e 51ª posição. Com estes resultados, a equipa torriense foi a 7ª melhor em prova.”

 

 

[Imagens: AfterTwo]

Artigos Relacionados