Mafra | Dois lares de idosos foram alvo de buscas pela GNR

Na sequência de notícias que davam conta da detenção detenção de uma proprietária de lares de idosos em Mafra, o JM questionou o Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas (NIAVE) da GNR, acerca desta situação.

Em resposta a GNR refere o seguinte:

” […] cumpre-me informar que o Núcleo de Investigação e Apoio a Vítimas Especificas (NIAVE) de Lisboa deu cumprimento a dois mandados de busca domiciliária em Mafra, no dia 5 de março, na sequência de uma investigação ao alegado funcionamento ilegal de dois lares de idosos.

Na sequência das buscas, foi possível verificar que num dos casos não foi detetada qualquer atividade, sendo que no outro foi identificada a proprietária e 18 idosos, tendo os factos sido comunicados ao Ministério Público e à Segurança Social“.

O Jornal de Mafra apurou que fiscalização foi efetuada pela GNR de Mafra e que os lares em causa continuarão abertos.

Leia também