PSD Loures manifesta-se preocupado em relação ao fim da PPP do Hospital Beatriz Ângelo

Depois de ser conhecida a decisão do ministério da saúde, no sentido de não proceder à renovação do contrato de gestão da Parceria Público–Privada (PPP) no Hospital Beatriz Ângelo, em Loures, a Comissão Política do PSD Loures manifestou ontem a sua “profunda preocupação” por em sua opinião não ter sido dada “uma explicação sustentada por parte do Ministério da Saúde” acerca desta decisão.

Em comunicado enviado às redações pelo PSD Loures pode ler-se:

A nossa preocupação advém do facto de, considerando as informações disponíveis, entendermos que estas medidas em nada estão relacionadas com a melhoria da gestão e qualidade do serviço prestado aos utentes, mas sim com mais uma deriva ideológica e cedência do Governo PS à extrema-esquerda radical, provando-se mais uma vez que a geringonça e os seus vícios vieram para ficar.
Temos vindo a assistir, ao longo destes últimos anos, a uma acentuada degradação dos serviços prestados à população, com especial ênfase no Serviço Nacional de Saúde.
A gestão ruinosa deste Governo tem resultado em cuidados médicos necessários que são adiados sine die, falta de recursos técnicos e humanos que chegam a levar ao encerramento de serviços de urgência em várias unidades de saúde, todas elas de gestão integralmente pública e com os resultados que estão à vista.
É justamente isto que não queremos para os mais de 300 mil utentes do Hospital Beatriz Ângelo.
Realçamos ainda que, em regra, a gestão de serviços em PPP, teve como resultado uma significativa diminuição dos custos para o erário público e uma melhoria da qualidade dos serviços prestados à população, pelo que a não continuação desta parceria será lesiva não só para os utentes, mas também para os contribuintes, provando mais uma vez que esta é meramente uma opção ideológica.
Face ao exposto, porque entendemos que este não é o caminho correto, e com o objetivo de se estancar a continuidade da degradação do SNS, não nos resta alternativa senão pedir à Senhora Ministra da Saúde que tome uma atitude responsável, e se demita.
Da parte do PSD Loures, estamos atentos e vigilantes na defesa dos munícipes de Loures, e dos reais interesses dos utentes do Hospital de Loures.

 


PubPUB

Artigos Relacionados