Pico da gripe irá ocorrer entre o Natal e a segunda semana de janeiro – Vacine-se!

O Centro de Estudos e Avaliação em Saúde (CEFAR) da Associação Nacional das Farmácias apresentou uma previsão que aponta para que o período de maior atividade da gripe em Portugal, ocorra este ano, entre o Natal e a segunda semana de janeiro.

Segundo os dados dos investigadores, tendo por base os “dados diários da dispensa de medicamentos e produtos de saúde para infeções respiratórias”, o início da fase epidémica terá ocorrido há duas semanas.

Nuno Rodrigues, da Associação Nacional dos Médicos de Saúde Pública, refere a cerca deste estudo inédito “este novo instrumento tem grande valor para a Saúde Pública porque permite alertar a população para a necessidade de reforçar os comportamentos preventivos” e “por outro lado, dá mais tempo aos serviços de saúde para planificarem a sua resposta”.

Segundo dados do Vacinómetro, cerca de 1,3 milhões de portugueses já se vacinaram contra a gripe, na época gripal 2019/2020, sendo 1 187 042 portugueses com 65 ou mais anos e 179 889 cidadãos com idades entre os 60 e os 64 anos.

A vacinação é a melhor prevenção para a gripe. A gripe é uma doença contagiosa que normalmente cura espontaneamente, podendo, no entanto, ocorrer complicações, sobretudo em pessoas com doenças crónicas ou com 65 ou mais anos de idade.

A Direção-Geral da Saúde recomenda: “vacine-se contra a gripe, preferencialmente, até final do ano!“, embora a vacina possa ser administrada durante todo o outono e inverno.

Artigos Relacionados