Infraestruturas de Portugal faz o ponto de situação da modernização da Linha do Oeste

Comboios
[sg_popup id=”24045″ event=”onLoad”][/sg_popup]

A Infraestruturas de Portugal (IP) garante não existir “nenhuma suspensão ou cancelamento de qualquer obra do Ferrovia 2020” e que “apesar de alguns atrasos verificados” todos os investimentos previstos “serão concretizados até final de 2023”.

Em relação à intervenção de Modernização da Linha do Oeste entre Meleças e Caldas da Rainha, a IP informou que foram já lançados os seguintes procedimentos de contratação:

  • Concurso Público para contratação da Empreitada entre Meleças e Torres Vedras – lançado em 23/Julho/2019, prevendo-se a entrega das propostas no dia 03 de dezembro de 2019 e o início da obra no 2.º semestre de 2020;
  • Concurso para a contratação da fiscalização para todas as intervenções previstas na Modernização da Linha do Oeste;
  • Concurso de conceção construção da nova subestação de tração elétrica que irá alimentar este novo troço, prevendo-se a entrega das propostas no dia 19 de dezembro de 2019 e o início dos trabalhos no 2.º semestre de 2020.

O projeto de execução referente à empreitada entre Torres Vedras e Caldas da Rainha encontra-se em “em fase de revisão final, por parte do consórcio projetista” estando previsto para as nas próximas semanas, o lançamento do respetivo concurso.

O projeto de instalação de um sistema de sinalização eletrónica no troço da Linha do Oeste entre Meleças e Caldas da Rainha encontra-se em “fase de preparação o concurso público” devendo o mesmo ser lançado no primeiro trimestre de 2020.

 

   

Leia também