Os 346 anos João Frederico Ludovice o “Arquiteto de Mafra”

Nasceu na Alemanha (Castelo de Hornhardt, Suábia), a 19 de março de 1673, Johann Friedrich Ludwig, que em Portugal  ficou conhecido por João Frederico Ludovice.

Ludovice foi um arquiteto e ourives que chegou a Lisboa em 1700 e que mais tarde veio “parar” a Mafra pela Mão de D João V para a construção do convento franciscano que todos conhecemos.

Em 1689, iniciou os seus 4 anos de estudo de ourivesaria.
Em 1693, assentou praça (com 19 anos de idade) tendo feito campanha até ao fim da guerra (1697) como oficial de Engenharia.
Em 1697 rumou a Itália (Roma) onde desenvolveu os seus conhecimentos em escultura e arquitetura. Foi em Itália que alterou o seu apelido para Ludovici.
Em 1700, em Nápoles casou com Chiara Agnese Morelli e nesse mesmo ano chega com sua esposa a Lisboa
Em janeiro de 1701 nasce, em Lisboa, o seu primeiro filho, João Pedro Ludovice, também neste ano fica viúvo pois a sua esposa faleceu do parto.
Depois de chegar a Lisboa foi obrigado a trabalhar em exclusividade para os Jesuítas, exclusividade que não respeita, tendo sido condenado em 1701,. D. Pedro II intercede a seu favor, pagando as custas da sentença, orçadas em 1$012 réis.
Entre 1701 e 1717 dedicou-se quase em exclusivo à ourivesaria.

O projeto apresentado por Ludovice para a construção do Palácio Nacional de Mafra foi o escolhido por D. João V e as varias alterações que a planta original sofreu foram desenhadas por Ludovice.
A direção da obra do Convento de Mafra ficou a seu cargo entre 1717 e 1730, ano em que foi substituído pelo seu filho, João Pedro Ludovice, também ele arquiteto.
João Ludovice fixa residência na Arrifana, Igreja Nova, Mafra.

João Frederico Ludovice morre em Lisboa a 18 de Janeiro 1752.

 

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados