Berro – 1º Festival de Teatro de Mafra | “Teatro Umano” apresenta “AL AMBRA”

O 1º Festival de Teatro de Mafra, “Berro”, uma organização do Coletivo “A Tribo”, vai trazer ao convívio do público do concelho, três grupos de teatro, que nos dias 12, 13 e 14 de Abril irão apresentar as suas produções na Casa de Cultura da Ericeira.

Hoje vamos apresentar o grupo “Teatro Umano”, fundado em 1998 ou em 2017, a arte tem destas coisas, como gostam de dizer, “entre Lisboa , Santiago de Compostela e Itália”.

Definem-se como produtores de espetáculos de teatro documental, de teatro debate e de teatro participativo. O grupo assume-se como “uma associação de teatro e artes participativas na comunidade”

O Teatro do Umano não é apenas prazer. E também dever. Não é só racionalidade, mas também emoção. Não se ocupa apenas da formação pessoal mas também daquela social. Conjuga o imaginário e a realidade. Mente e corpo. Público e privado. Une a disciplina ao jogo.Faz dialogar o antigo com o novo. O segredo do teatro social é a pelo paixão ser Humano, o respeito pela cidade, a atenção pela natureza, pelos tempos e o ser; no seu duplo sentido de criar e descobrir a sociedade, o mundo e o Homem. Por isso ao Teatro que fazemos, ensinamos se chama Teatro Umano Se dantes eram as sociedades a promover as artes, hoje são as artes a promover a sociedade.  O teatro é o meio, e a sociedade é o fim ou está a sociedade próxima do seu fim, na sua tragédia da contemporaneidade?” [Rita Wengorovius]

O “Teatro Umano” tem Rita Wengorovius como directora artística e entre outros trabalhos, produziu “Adolescer”, “Time Crises”, “Não vais viver para sempre”, “A Cidade é um chão de palavras pisadas”, “Felicidade, sim obrigada!”, “Fatinha Fatela deu cabo da mãe dela , com o compra compra compra!”, “Sexo, pastilhas e sms’s”, entre outros.

 

Dia 13 de abril
21h30 – Bruta – “Ensaio de uma Odisseia”

Entrada: Diária: € 7,50 | Pack Festival: € 19,00

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados