Sintra | Homem detido por incêndio, ofensas à integridade física e ameaças

Foi ontem detido, pela Polícia Judiciária, um homem, de 26 anos, por “fortes indícios da prática de crimes de incêndio, ofensas à integridade física e ameaças”.

O caso aconteceu em Janeiros deste ano, em Queluz, tendo o homem agora detido “aparentemente por razões fúteis de desavenças com uma pessoa sua vizinha, provocou o incêndio na residência da mesma, tendo para o efeito regado a porta da entrada com um líquido inflamável que, após, ateou”.

Na altura do incidente encontravam-se 7 pessoas no interior da habitação que ficou com a porta e paredes da entrada completamente destruídas. O incêndio foi extinto pelos residentes.

Segundo a PJ o “suspeito já havia tentado arrombar a porta das vítimas com pontapés, agredindo a residente e a filha com um ferro, provocando-lhe lesões físicas” e noutra situação terá pontapeado a porta “enquanto proferia ameaças de morte”.

Depois de presente a primeiro interrogatório judicial, o suspeito ficou sujeito à medida de coação processual de prisão preventiva.

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados