Os ortodoxos celebram esta noite a entrada no Ano Novo

Os ortodoxos celebram esta noite, de 13 para dia 14 de janeiro, a entrada no Ano Novo.

Em 1582 a Igreja Ortodoxa não aceitou a reforma do calendário feita pelo Papa católico Gregório. Esta reforma no calendário pretendia “acertar” as datas dos equinócios e solstícios. Por isso os ortodoxos continuam a seguir o calendário Juliano, calendário criado por Júlio César em 45 a.C.

Como a diferença do calendário juliano para o gregoriano é de 13 dias o Velho Ano Novo, o Ano Novo Ortodoxo, é celebrado pelas Igrejas Ortodoxas no dia 14 de janeiro.

Hoje chega um novo ano a países como a Rússia, Geórgia, Bielorrússia, Cazaquistão, Uzbequistão, Azerbaijão, Moldávia, Ucrânia, Sérvia, Macedónia, Montenegro, Bósnia Herzegovina, Gales e Suíça.

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados