Calor provocou mais 500 mortes por dia entre 5 e 7 de Agosto

A Direção Geral da Saúde fez o balanço do número de mortes por dia em Portugal, durante a ultima onda de calor, dias 5, 6 e 7 de Agosto. Nestes dias existiu uma variação diária “de mais de 500 óbitos registados”. Segundo Graça Freitas, diretora-geral de Saúde, esta é uma análise “muito bruta. O que quer dizer que temos de analisar as quinzenas por corredores de probabilidades de ocorrências de morte”.

É agora necessário analisar as mortes esperadas em determinada quinzena e as realmente ocorridas de modo apurar as causas destes óbitos e analisar os dados.

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados