Dragagens do porto da Ericeira concluídas até fim de Julho

A Direção-geral de Recursos Naturais, Segurança e Serviços Marítimos (DGRM), um departamento dependente do Ministério do Mar, anunciou para o final deste mês de Julho, a conclusão das obras de dragagem do portinho da Ericeira.

A dragagem do porto da Ericeira, sob responsabilidade da DGRM, decorre a bom ritmo, devendo estar concluída no final do corrente mês de julho.

Será dragado um volume total de 60.000 m3 de sedimentos da bacia portuária, de modo a repor as cotas de serviço estabelecidas para este porto, com a imersão dos dragados a ocorrer na deriva litoral a sul deste porto.

A bacia do porto da Ericeira tinha vindo a ser alvo de um franco assoreamento desde 2010, pelo que o projeto de intervenção neste porto contempla a dragagem da bacia portuária no sentido da restituição das cotas de fundo necessárias à normal operacionalidade portuária e de modo a garantir as condições de segurança de pessoas e embarcações que demandam a este porto.

A dragagem foi adjudicada à empresa Manuel Maria de Almeida e Silva&CA, S.A., pelo valor de 532.098 euros.

Recorde-se que o projeto de intervenção neste porto contempla também a execução de trabalhos de reparação do quebra-mar de proteção, que contempla a reparação e reforço da cabeça da estrutura, através da colocação blocos Antifer de 550 kN, em substituição dos atuais blocos, e na materialização de uma banqueta no pé de talude do manto resistente. Estes trabalhos no quebra-mar terão inicio a curto prazo e representarão um investimento de 2.763.810 euros, contando com Co-Financiamento do MAR2020.

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados