Juventude Popular de Mafra | 25 de Abril: duas gerações de povos – de 1974 a 2018

 A propósito do dia que hoje se comemora a Juventude Popular de Mafra emitiu o comunicado que se segue.

 

25 de Abril: duas gerações de povos – de 1974 a 2018

O Povo de 1974 juntou-se um dia e disse:

– Basta de Estado Novo, chega de ditadura, queremos liberdade para pensar, falar, votar, participar e decidir.

O mesmo Povo de 1974 saiu à rua a 25 de Abril e, instigado pelo Movimento das Forças Armadas, fez a revolução, pondo fim ao regime ditatorial que até então vigorava em Portugal.

Sem grupos de WhatsApp, nem Facebook, o Povo de 1974 mobilizou-se conjuntamente, no espírito de luta pelo pensamento livre, pela Democracia e acima de tudo pelo futuro de Portugal.

Naquele tempo, a rede social foi a Rádio Clube Português, e o “Post” partilhado foi a “Grândola Vila Morena” de Zeca Afonso. A palavra foi partilhada, espalhada, e divulgada: O Povo de 1974 acabaria por se expressar, impondo uma mudança de regime.

Hoje, talvez o Povo de 2018 pudesse aprender com o Povo de 1974, e perceber que quando queremos algo, temos de lutar, saindo da nossa zona de conforto e participando ativamente para o desenvolvimento da comunidade.

Foi para isto que se fez o 25 de Abril, para que todos pudéssemos contribuir, sendo em conjunto parte da solução, ao invés da abstinência da participação cívica. A liberdade e a convicção unidas na prossecução de um Bem Comum. Esse “Bem” é Portugal.

Honremos o Passado, trabalhando para o Futuro.

Viva Portugal

Juventude Popular de Mafra

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados