O rio Safarujo recebeu hoje 100 Ruivacos do Oeste

Tal como aconteceu em anos anteriores o rio Safarujo recebe hoje 100 Ruivacos do Oeste (Achondrostoma occidentale) com o objetivo de “reproduzir e manter espécies ameaçadas de água doce da fauna e flora portuguesas”.

Com esta acção o Aquário Vasco da Gama (AVG) pretende “proteger as espécies consideradas criticamente em perigo, devido à redução das populações no meio natural, provocada por vários fatores: descargas de poluentes, ocorrência cada vez mais frequente de verões prolongados e secos, destruição da vegetação das margens e proliferação de espécies invasoras vegetais e animais”.

Esta é uma espécie considerada criticamente em perigo e que existe apenas em Portugal nos rios Safarujo, Alcabrichel e Sizandro.

Os Ruivacos hoje libertados em meio natural são “nascidos no AVG em 2016 e 2017 e descendentes de exemplares capturados no mesmo rio.”

 

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados

Leave a Comment