Mafra | Espetáculo do Agrupamento de Escolas Professor Armando de Lucena

O Agrupamento de Escolas Professor Armando de Lucena vai realizar amanhã, em  Mafra, o seu Espetáculo de final de período.

O Projeto Plano de Ação Artes do Espetáculo, é um “trabalho é interdisciplinar, transversal, horizontal e vertical” envolvendo varias disciplinas e conta com a coordenado da Professora Eduarda Oliveira.

Em cena vão estar 40 alunos, alunos do Jardim de Infância ao 3.ºciclo e ex-alunos com o espetáculo “A Árvore que dava Olhos”, história escrita por João Paulo Cotrim e ilustrada por Maria Keil.

 

Data: 23 de Março
Hora: 21h00
Local: Mafra, Auditório Beatriz Costa

 

Sinpose:
Esta performance vem na sequência do estudo e perseveração do meio ambiente, que teve início no ano letivo transato, assim como no âmbito do Projeto Educativo Municipal “Ambiente, Terra e Mar” e do “Projeto Educativo da Nossa Escola “Da Terra ao Mar, Rumo ao Futuro”. São evocadas as relações humanas, cada vez mais degradadas pela explosão tecnológica assim como a insensibilidade do comum quotidiano. Neste sentido é focada a dicotomia entre os “OLHOS” da árvore, inteligentes, observadores e sensíveis, com a “CEGUEIRA” retratada na obra de José de Saramago “Ensaio sobre a Cegueira”.

Pretende-se que as cenas expostas provoquem o espectador e, ao mesmo tempo, este possa sentir e interagir através de diversas emoções.

É uma tomada de consciência em relação ao meio ambiente e relações humanas! É um apelo ao combate contra a poluição provocada pelo egoísmo, ignorância e ganância do “Homem”. Existe maior cegueira do que a “Poluição”?

Como fio condutor teremos, em off, a leitura adaptada de excertos do livro “A Árvore que dava Olhos ”, para que o espectador possa enquadrar e contextualizar melhor o enredo apresentado durante 90 minutos.

 

[Imagem do Cartaz]

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados