Vamos à farmácia | Viagens com saúde para destinos de neve

Vamos à Farmácia | Ana Quintela

 

Viagens com saúde para destinos de neve

Chegaram finalmente os dias de muito frio e de neve no nosso país. Começa a época em que planeamos uma ida à Serra da Estrela, ou até mesmo uma viagem ao estrangeiro para aproveitar a neve.

No entanto, é importante que faça escolhas acertadas nas viagens de Inverno. Mantenha-se sempre activo, mas use sempre roupa indicada quando sai à rua.

 

Que problemas pode causar o frio?

São frequentes os danos nas extremidades (pés, mãos, nariz) causados pelo frio e humidade como a vermelhidão, bolhas e frieiras.

Podem ocorrer alguns sintomas oculares, como dor nos olhos e alterações na visão, especialmente em actividades com ventos fortes. Alterações graves na visão, vermelhidão, inchaço nas pálpebras e olho seco podem também estar associados à exposição solar em locais com neve. É essencial proteger os olhos com óculos adequados quando em contacto com neve, pois o reflexo da luz na neve pode causar queimaduras e inclusivamente lesões na córnea.

É fulcral usar roupa adequada. Uma perda de temperatura corporal rápida pode desencadear hipotermia. A hipotermia pode originar arrepios, apatia, pele fria, pálida e azulada. É uma situação de emergência que consegue rapidamente originar uma perda de consciência e até mesmo levar à morte.

 

Quem deve ter mais cuidado na exposição ao frio? Há comportamentos que agravam os efeitos do frio?

  • Bebés e idosos e qualquer pessoa com uma massa corporal reduzida são mais susceptíveis ao frio.
  • Beber álcool, consumir cafeína e fumar agrava os danos do frio. A cafeína e o tabaco diminuem a espessura dos vasos sanguíneos nas extremidades, o que torna mais difícil aquecê-los.
  • Roupa pouco adequada, pouco quente ou pouco impermeável em condições de grande frio, chuva ou elevada altitude aumentam a probabilidade de hipotermia.
  • O cansaço e a desidratação também promovem uma reacção mais exagerada do nosso organismo ao frio.
  • Agravam também a nossa resposta ao frio determinadas situações de saúde e doenças crónicas, como por exemplo o Hipotiroidismo, diversas doenças respiratórias e o fenómeno de Raynaud (resposta exagerada do organismo ao frio).

 

Emergências

A neve e o gelo podem ser perigosos simplesmente a andar e num contexto desportivo são comuns as lesões. Mas, nesta época do ano, com os casos de infecção pelo vírus da gripe, os serviços de urgência têm uma grande afluência. Pelo que é importante avaliar se é de facto necessário dirigir-se a um hospital. Em caso de dúvida, pode aconselhar-se rapidamente recorrendo à linha telefónica Saúde 24.

 

Viajar para a neve – Cuidados de saúde a ter. O que levar na mala?

  • Leve roupa apropriada, resistente ao vento, várias camisolas, luvas, gorros, cachecóis e botas impermeáveis.
  • Antes de sair para a neve deve colocar creme hidratante e por cima da hidratação o uso de protector solar nas zonas expostas (rosto) é essencial, bem como um stick labial com protecção solar.
  • Ingira bebidas quentes com frequência.
  • Leve um pequeno kit de primeiros socorros onde deve acrescentar a sua medicação habitual, paracetamol, ibuprofeno, antiácidos, antidiarreicos, pomada cicatrizante e desinfectante, creme para queimaduras solares e um termómetro.

 

E para além dos cuidados de saúde, não se esqueça de preparar o carro! Faça uma revisão, e prepare-o completamente para funcionar a temperaturas muito baixas. Verifique se o aquecimento e o ar condicionado estão a funcionar e considere a troca de pneus. No carro deve levar mantas, água, alguma comida e um kit de primeiros socorros.

 

Adicionalmente e se vai viajar para o estrangeiro a DGS (Direcção Geral de Saúde) também recomenda:

  • Considerar adquirir um seguro de saúde.
  • Levar um cartão traduzido na língua local com toda a sua informação de saúde relevante. Por exemplo, o seu tipo de sangue, a sua medicação actual, doenças crónicas e alergias.
  • Se vai viajar grávida, com crianças ou tem alguma doença crónica, deve consultar o seu médico antes da viagem.

 

Tome os cuidados necessários de saúde e segurança, mas mantenha-se activo e aproveite este Inverno!

 

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados