OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Ainda o Orçamento Municipal

Nas crónicas anteriores analisamos o Orçamento Municipal, primeiro a Receita e depois a Despesa. Se relativamente à Receita concluímos ser claramente um pacote de receita da matriz ideológica do PSD (para além da troika) limitativo do poder de compra dos munícipes, já relativamente à despesa limitámo-nos a tentar ler em que é que a Câmara vai gastar os 60 milhões de Euros arrecadados. Para o efeito concentrámos a nossa análise nos documentos que, de alguma forma, nos apontam para o QUÊ, as Grandes Opções do Plano (Plano de Actividades Municipal…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Orçamento Municipal (despesa)

Por memória do artigo anterior: “O que é que a Câmara vai fazer com os quase 55 milhões de euros que nos são cobrados?” A análise da despesa é mais complexa. O Orçamento quantifica os montantes de despesa autorizados (quando aprovado) mas não o que é que vai ser feito. Os investimentos, Plano Plurianual de Investimento, uma vez que é elaborado por projectos/acções com classificações e informações normalizadas permite ter uma noção dos investimentos que serão autorizados pela Assembleia Municipal, tanto quanto o que se deduz da descrição e demais…

Ler mais

OPINIÃO POLÍTICA | José Martinez – Orçamento Municipal (receita)

Com alguma resistência aceitei escrever alguns artigos de opinião para o Jornal de Mafra. A minha resistência nada tem que ver com o Jornal, que reputo como fonte de informação regional digna, mas com a minha falta de qualificações para tal. Nunca escrevi para nenhum jornal e profissionalmente a minha escrita resumiu-se a “cartas” e “relatórios”. Como cidadão escrevi a maioria dos comunicados da minha Comissão de Trabalhadores e não me recordo de alguma vez ter escrito as minhas intervenções nos plenários de empresa, nas reuniões sindicais, nem mesmo nas…

Ler mais