16 Jul 2017 | Curtas | JM

A CMM fez recentemente 3 ajustes directos com vista à  “Elaboração de projetos das especialidades do projeto de alteração e ampliação do edifício do Museu Professor Raul de Almeida, sito no Largo do Pelourinho em Mafra”.

O edifício actualmente designado de Museu Municipal Prof. Raúl de Almeida é um dos edifícios mais antigos da vila, datando a sua construção dos finais séc. XVI. Até ao séc. XIX aquele edifício albergava a câmara municipal, sendo depois convertido em cadeia, função que manteve até 1972. Segundo informação do próprio município, “O edifício está situado na Praça do Pelourinho, área alvo de reabilitação urbanística recente, que tem por ponto central o pelourinho setecentista, imóvel de interesse público, exemplar de arquitetura civil barroca”.

Na fase de projectos, a alteração e ampliação deste edifício será realizada através de 3 contratos por ajuste directo, dividindo a empreitada por lotes, assim:

Lote 1 – Projeto de estabilidade; caderno de encargos; medições;
Valor: 12.500,00 €
Empresa: Pecnon – Gabinete de Estudos e Projectos, Lda

Lote 2 – Projeto da rede de abastecimento de água; projeto da rede de drenagem de águas residuais domésticas e pluviais; projeto de segurança contra riscos de incêndio; plano de prevenção e gestão de resíduos de construção; estudo de comportamento acústico; plano de segurança e saúde em projeto; caderno de encargos; medições;
Valor: 15.600,00 €
Empresa: P.S.R. – Paulo Silveira Ramos Consultores, Lda.

Lote 3 – Projeto de eletricidade; projeto da rede de telecomunicações – ited iii; projeto de térmico! avac; pré-certificado energético no âmbito do sistema de certificação energética dos edifícios (sce); projeto de segurança intrusão/ roubo cctv; projeto de instalações eletromecânicas; caderno de encargos; medições;
Valor: 17.700,00 €
Empresa: Mário Jorge Garcia dos Reis

A Câmara Municipal de Mafra não revelou se, tendo em consideração a importância histórica do edifício, esta intervenção foi alvo de estudos preparatórios, não tendo igualmente sido revelados pormenores do tipo de alterações a introduzir, nem tão pouco, do tipo e extensão da ampliação de que será alvo.

 

Os ajustes directos, no valor de 45.800 euros, agora contratados reflectem-se exclusivamente ao nível dos projectos de especialidade, ficando a faltar os contratos referentes à fase de obra.

Pub

Achou este artigo interessante, partilhe-o com os seus amigos!

VISITE TAMBÉM A PRIMEIRA PÁGINA DO JORNAL DE MAFRA

Partilhe com os seus amigos!