18 MAI 2017 | Cultura & Lazer | JM

A Câmara Municipal Arruda dos Vinhos decidiu avançar com a candidatura a Património Cultural Imaterial da UNESCO as Tertúlias Móveis e Largadas de Toiros. Esta decisão prende-se  não só pela sua à antiguidade mas também pelo “impacto recente e crescente a nível sóciocultural, económico, turístico e gastronómico destas manifestações de cultura popular”.

“(…)declarar as Tertúlias Móveis e as Largadas de Toiros realizadas no âmbito das Festas em Honra de N.ª Sra. da Salvação como parte integrante do Património Cultural e Imaterial do Concelho, unida às suas mais enraizadas tradições, conforme disposições contidas na Convenção para a Salvaguarda do Património Cultural Imaterial da UNESCO.”

Segue-se agora a recolha de informação sobre todas as Tertúlias de modo a elaborar o dossier de candidatura a apresentar numa primeira fase aos órgãos nacionais do Ministério da Cultura e Direção Geral do Património Cultural e numa segunda fase junto da UNESCO.

Durante as Festas de Agosto irá ser feita uma recolha de assinaturas para subscrição popular desta candidatura “que é da comunidade e de todas e todos os Arrudenses”.

Pub

Achou este artigo interessante, partilhe-o com os seus amigos!

VISITE TAMBÉM A PRIMEIRA PÁGINA DO JORNAL DE MAFRA

Partilhe com os seus amigos!