Aviso à população | Agitação Marítima

De acordo com as previsões do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) entre as 12h00 de amanhã(31 de Dezembro) e as 06h00 de dia 02 de Janeiro 2018 toda a zona litoral do nosso pais se encontra sob alerta amarelo devido à agitação Marítima.

A Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC) emitiu, hoje ao inicio da tarde, o seguinte comunicado:

1. Situação
No seguimento do contacto com o Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) realizado hoje, 30 de dezembro, pelo Comando Nacional de Operações de Socorro (CNOS) da Autoridade Nacional de Proteção Civil (ANPC), prevê-se, para o período entre as 12:00 horas do dia 31 de dezembro e as 06:00 horas do dia 2 de janeiro do novo ano, um agravamento da situação relativa à agitação marítima, podendo as ondas chegar a atingir 4 a 5 metros em toda a orla costeira.

2. Efeitos Expectáveis
Em função das condições meteorológicas previstas, é expectável junto à orla marítima:
• Piso rodoviário escorregadio com eventual formação de lençóis de água;
• Possibilidade de inundação de áreas mais vulneráveis;
• Inundações de construções urbanas subterrâneas devido a deficientes condições de drenagem;
• Danos em estruturas montadas ou suspensas;
• Dificuldades de escoamento em sistemas de drenagem urbanos, com especial incidência em períodos de preia-mar;
• Potencial de ocorrência de acidentes na orla costeira;
• Potencial ocorrência de acidentes geomorfológicos causados por instabilidade ou erosão de vertentes.

3. Medidas Preventivas
A ANPC recomenda à população que aja com cautela, adequando os seus comportamentos à situação e contexto, nomeadamente:
• Evite atravessar zonas inundadas, no sentido de precaver o arrastamento de pessoas ou viaturas para buracos escondidos no pavimento ou caixas de esgoto abertas;
• Proceda à fixação de elementos soltos, nomeadamente em estruturas de apoio de praia, placards de sinalização ou publicidade, bem como outras estruturas suspensas ou montadas ao ar livre;
• Tenha especial cuidado ao circular a pé ou de veículo junto à orla costeira e a zonas ribeirinhas mais suscetíveis de sofrerem galgamentos costeiros, evitando, se possível, atravessar, estacionar ou permanecer nesses locais;
• Abstenha-se de praticar atividades relacionadas com o mar, como sejam a pesca desportiva, os desportos náuticos e os passeios recreativos à beira-mar;
• Evite a prática dos tradicionais banhos de ano novo e outras ações de natureza análoga.

Nesta quadra festiva não deixe de estar especialmente atento às informações meteorológicas e acatar as indicações, conselhos e recomendações das autoridades públicas, nomeadamente a Proteção Civil, a Autoridade Marítima Nacional e as Forças de Segurança.

COMECE O ANO NOVO EM SEGURANÇA

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados