22 de Outubro | Consagração a Basílica do Real Edifício de Mafra

A promessa do Rei e o nascimento de D. Maria Bárbara deram origem a uma grandiosa obra que juntou num só edifício, um Convento, um Palácio e uma Basílica.

Em 22 de Outubro de 1730, o rei D. João V completava o seu 41º aniversário, sendo um domingo, e dada a sua já profeta idade, não podendo esperar por fazer novamente anos num domingo, resolveu que se iria celebrar a Consagração da Basílica do Real Edifício de Mafra, embora as obras ainda não tinham terminado, estavam até bastante atrasadas…

Segundo reza a história:

“Às 7 horas da manhã de 22 de Outubro de 1730, dia em que o Rei fazia 41 anos de idade, iniciou-se a festa de consagração da basílica, que se prolongaria até às 7 de manhã do dia seguinte. Foi servido, na ocasião, um banquete popular a 9.000 pessoas. As festas acabariam por prolongar-se por mais 7 dias, ao som de dois enormes carrilhões mandados vir expressamente de Antuérpia.”

Siga-nos nas redes sociais

Artigos Relacionados